Páginas

sexta-feira, 6 de abril de 2018

Centro de Estudos da AGE promove o Seminário Trabalho Voluntário



Na manhã do dia 05 de abril foi realizado pelo Centro de Estudos Celso Barbi Filho, da Advocacia-Geral do Estado MG, o seminário “Trabalho Voluntário: uma alternativa de bem fazer e bem viver.”

O evento foi aberto pelo Diretor do CECBF-AGE, Procurador do Estado Alberto Guimarães Andrade. Andrade lembrou que em tempos de individualismo o voluntariado aparece como uma necessidade social: cada um, segundo suas possibilidades e aptidões pode e deve dedicar um pouco de tempo a pensar e agir em prol do outro e da sociedade."

Ressaltou também a iniciativa da institucionalização do trabalho voluntário na AGE. Para tanto, lembrou a pesquisa, disponível na intranet, que visa conhecer melhor as atividades desenvolvidas por aqueles que trabalham na AGE.

As palestras foram ministradas pelos Procuradores do Estado da AGE Alda de Almeida Silva e Fábio Diniz Lopes, e pelo Promotor de Justiça do MPMG Walter Freitas de Moraes Júnior. Os palestrantes abordaram vários aspectos importantes sobre o trabalho voluntário, com suas experiências pessoais em suas atuações em Minas Gerais, e a abordagem social e humana do trabalho voluntário no Brasil.

Walter Freitas (MPMG) e Alberto Andrade (AGE)
A procuradora Alda Almeida destacou o valor do voluntariado tanto para quem faz quanto para quem recebe, enfatizando os resultados positivos, citando os exemplos de trabalho voluntário em iniciativas já mensuradas e comprovadas em países da União Europeia.

Foi abordado, também, pelo Promotor de Justiça Walter Júnior, o trabalho voluntário emergencial, em casos de tragédias, tais como, enchentes, incêndios etc, destacando o aspecto histórico e legal da atuação de importantes organizações sociais.

O procurador Fábio Diniz informou sobre a criação da primeira plataforma online da rede de voluntariado pelo Governo de Minas Gerais, que permitirá maior participação de voluntários em iniciativas já existentes, e a criação e cooperação em novos projetos com a participação de empresas e instituições interessadas.
  
 O procurador do Estado Ivan Luduvice, presidente da APEMINAS, ao final apresentou sua experiência pessoal com portadores de deficiência visual e destacou a importância do trabalho voluntário para a sociedade.

O Seminário ‘Trabalho Voluntário’ contou com a participação de membros da carreira jurídica e servidores da AGE, e órgãos parceiros.